Essays.club - TCC, Modelos de monografias, Trabalhos de universidades, Ensaios, Bibliografias
Pesquisar

A EDUCAÇÃO INCLUSIVA NO ENSINO REGULAR E SEUS BENEFICIOS

Por:   •  27/6/2018  •  4.411 Palavras (18 Páginas)  •  269 Visualizações

Página 1 de 18

...

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS.................................................................. 23

---------------------------------------------------------------

INTRODUÇÃO

A educação inclusiva tem gerado debates e reflexões e com o amparo da legislação, gradativamente tem sido feito adequações nas estruturas físicas, pedagógicas e filosóficas na educação regular para aprimorar o atendimento de alunos com necessidades educacionais especiais. A atual legislação traz um novo olhar quanto ao atendimento democrático a todos os estudantes, crianças e jovens em idade escolar, dando preferência ao atendimento de alunos com necessidades especiais em classes comuns da rede regular de ensino garantindo o atendimento nas redes públicas.

A lei nº 9.394 de 20 de dezembro de 1996 dispõe:

Art. 58. Entende-se por educação especial, para os efeitos desta Lei, a modalidade de educação escolar, oferecida preferencialmente na rede regular de ensino, para educandos portadores de necessidades especiais.

§ 1º Haverá, quando necessário, serviços de apoio especializado, na escola regular, para atender às peculiaridades da clientela de educação especial.

Atualmente o ensino regular está em processo de redemocratização, para que todos os cidadãos tenham seus direitos garantidos, incluindo independente das necessidades do mercado o acesso a educação, formação e conhecimento.

O movimento da Educação inclusiva busca garantir o direito de ingresso e permanência na escola e que esta propicie condições adequadas oportunizando a todos os estudantes o acesso ao saber, a construção de conhecimento e a formação cidadã.

Uma escola com educação inclusiva apresentará benefícios na formação de seus educandos em termos de oportunidades, aprendizado e convívio.

Requer um árduo trabalho preparar todas as escolas para assumir o compromisso de oferecer a educação inclusiva, colocando entre seus alunos, crianças e jovens com necessidades especiais diversas, entre estes, crianças com dificuldades auditivas, visuais, de concentração, atenção e locomoção. Visto que a escola atual enfrenta problemas para oferecer uma formação adequada aos não portadores de necessidades especiais, a educação inclusiva trata-se de um grande projeto de trabalho que envolve ações de mudança estruturais , filosóficas e pedagógicas.

A igualdade de oportunidades, o convívio com cidadania e a construção de um conhecimento coletivo e amplo podem ser alcançados se o ensino regular estiver habilitado para o exercício da escola inclusiva, e este exercício de adequação colaborará para o desenvolvimento global e humano de cada indivíduo.

OBJETIVO GERAL

Atualmente as escolas públicas e particulares tem se adequado a legislação e aprimorado o atendimento a alunos com necessidades especiais, resultando em um cenário educacional e um ambiente escolar diferente do que se podia observar em décadas anteriores, este trabalho propõe uma observação das características da escola que exerce a educação inclusiva e quais os benefícios gerados em prol dos estudantes e da sociedade em geral.

OBJETIVOS ESPECIFICOS

A pesquisa e documentação sobre a observação de escolas com projetos de atendimento a estudantes com necessidades especiais e educação inclusiva, aponta os êxitos e necessidades destas unidades escolares e suas redes, a fim de orientar futuros projetos e direcionar a formação de educadores de forma adequada para a implantação de um sistema de educação funcional e com amplo atendimento a todos os educandos.

JUSTIFICATIVA

O ensino com enfoque nas necessidades individuais diversas de cada educando resulta em benefícios diversos para o grupo de alunos, para a comunidade e para cada estudante de maneira individual, este trabalho fará uma abordagem geral e trará uma reflexão sobre os benefícios da educação inclusiva.

PROBLEMA

A aplicação de um programa de educação inclusiva envolve estudos de necessidades, direcionamento de ações, formação de profissionais e adequação de espaços e equipamentos para que se possa ministrar o projeto, apresentar e usufruir seus benefícios. Este trabalho propõe o levantamento, a análise e propõe questões sobre a maneira adequada de realizar projetos em educação inclusiva.

CAPÍTULO I

EDUCAÇÃO INCLUSIVA

A necessidade de educação inclusiva no Brasil ganhou visibilidade a partir de estudos sobre educação especial. A integração e inclusão foram abordadas na contextualização da legislação na Constituição de 1988, constando também no Estatuto da Criança e do Adolescente, de 13 de julho de 1990, na Lei de Diretrizes e Bases, nº. 9394, de 20 de dezembro de 1996 e na a lei Federal 7.853, de 24 de outubro de 1989.

A Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (LDB), no 9.394/96 (Brasil, 1996), no Titulo III, art. 4º, inciso III, afirma que é dever do Estado garantir o atendimento educacional especializado gratuito aos educandos com necessidades especiais, preferencialmente na rede regular de ensino.

O capítulo V da LDB 9.394/96 trata de aspectos referentes à Educação Especial. Entre os pontos especificados, o art. 58. § 1º diz que, sempre que for necessário, haverá serviços de apoio especializado para atender às necessidades peculiares de cada aluno portador de necessidades especiais.

O Conceito de inclusão no contexto do ensino regular teve sua origem na Conferência Mundial sobre Educação para Todos no ano de 1990, e se tornou amplamente difundida a partir da Declaração de Salamanca ocorrida na Espanha, em 1994, que teve o objetivo de fornecer diretrizes básicas para a formulação e reforma de políticas e sistemas educacionais de acordo com o movimento de inclusão social.

A pessoa portadora de deficiência tem seus direitos como cidadão e a partir da discussão deste fato observou-se a necessidade da escola garantir os direitos do aluno portador de necessidades especiais, dando origem ao programa de educação inclusiva, que tem como objetivo colocar em prática uma nova definição, tornando a educação capaz de acolher todo indivíduo, independente das diferenças, eliminando também preconceitos e discriminação.

Participação

...

Baixar como  txt (32.5 Kb)   pdf (83.9 Kb)   docx (28.1 Kb)  
Continuar por mais 17 páginas »
Disponível apenas no Essays.club