Essays.club - TCC, Modelos de monografias, Trabalhos de universidades, Ensaios, Bibliografias
Pesquisar

REVISÃO CRÍTICA EM IMPLANTAÇÃO DE FARMÁCIA HOSPITALAR

Por:   •  30/12/2018  •  Dissertação  •  3.496 Palavras (14 Páginas)  •  17 Visualizações

Página 1 de 14

UNIVERSIDADE VALE DO PARAIBA

NATHAN OLIVEIRA

REVISÃO CRÍTICA EM IMPLANTAÇÃO DE FARMÁCIA HOSPITALAR

SÃO JOSÉ DOS CAMPOS – SP

2018

________________

NATHAN OLIVEIRA

REVISÃO CRÍTICA EM IMPLANTAÇÃO DE FARMÁCIA HOSPITALAR

Trabalho de Conclusão de Curso para obtenção do título de Bacharelado em Farmácia apresentado à Universidade Vale do Paraíba

Orientador: Prof. Me. Simon Silva

SÃO JOSÉ DOS CAMPOS

2018

________________

RESUMO

Objetivos: Evidenciar a importância da implementação da farmácia satélite bem como a relação de custo no setor de Unidade de Terapia Intensiva, a partir de revisões bibliográficas. Métodos: Serão utilizadas a leitura crítica e a redação de resumos e paráfrases das obras pertinentes ao enfrentamento do tema. Além da leitura de livros pertinentes ao objeto de pesquisa serão consultados documentos disponíveis online, devidamente referenciados nas Referências. Resultados: Erros no fornecimento de medicamentos no ambiente hospitalar têm sido reconhecidos como um problema de grande importância para a saúde pública, de modo que práticas efetivas de segurança devem ser estabelecidas. Afirmar-se que a maneira ideal de melhorar a segurança da assistência aos pacientes do hospital é aumentar a qualidade de todos os processos: dispensa administração e monitorização de tratamentos farmacológicos. O serviço de farmácia hospitalar, que sempre deve ser supervisionado por um farmacêutico especializado em farmácia hospitalar, é responsável por diversas e diversas ações. Obviamente, é de sua responsabilidade comprar medicamentos e dispositivos médicos necessários para o hospital, assim como garantir a qualidade, conservação, custódia e dispensação corretas. Além disso, eles devem prestar atenção especial aos medicamentos usados ​​em tratamentos extrahospitalares, que geralmente requerem monitoramento, supervisão e controle específicos. Conclusão: Por meio de estudos realizados conclui-se que a implantação da farmácia hospitalar contribui para a melhoria da saúde do paciente desde na UTI, durante seu tratamento, até a dispensa e/ou acompanhamento farmacoterapêutico através de cuidados farmacêuticos que agregam valor ao processo de saúde e que promovem permitem o uso eficaz, seguro e eficiente de medicamentos em um quadro de assistência abrangente e contínuo.

Palavras-chave: Assistência, farmácia hospitalar, medicação.

ABSTRACT

Objectives: To demonstrate the importance of the implementation of the satellite pharmacy as well as the cost relation in the Intensive Care Unit sector, based on bibliographic reviews. Methods: critical reading and the writing of abstracts and paraphrases of the works confrontation of the theme. In addition to reading books relevant to the research object, documents available online will be consulted, duly referenced in the References. Results: Errors in the supply of medicines in the hospital environment have been recognized as a problem of great importance for public health, so that effective safety practices must be established. To assert that the optimal way to improve the safety of hospital patient care is to increase the quality of all procedures: dispensing, administering and monitoring drug treatments. The hospital pharmacy service, which should always be supervised by a pharmacist specialized in hospital pharmacy, is responsible for several and diverse actions. Obviously, it is your responsibility to purchase the necessary medicines and medical devices for the hospital, as well as to ensure the correct quality, preservation, custody and dispensing. In addition, they should pay special attention to medications used in out-of-hospital treatments, which usually require specific monitoring, supervision, and control. Conclusion: Based on studies carried out, it is concluded that the implementation of the hospital pharmacy contributes to the improvement of the patient's health from the ICU, during their treatment, to dispensing and / or pharmacotherapeutic follow-up through pharmaceutical care that adds value to the process of promote effective, safe and efficient use of medicines within a framework of comprehensive and ongoing care.

Key words: Care, hospital pharmacy, medication.

Introdução

A farmácia é um setor do hospital que necessita de elevados valores orçamentários e o farmacêutico hospitalar deve estar habilitado a assumir atividades clínico-assistenciais (participação efetiva na equipe de saúde), contribuindo para a racionalização administrativa com consequente redução de custos. Tem como principal função garantir a qualidade da assistência prestada ao paciente, por meio do uso seguro e racional de medicamentos e materiais médico hospitalares, adequando sua aplicação à saúde individual e coletiva.1

A importância de uma farmácia satélite é atender setores de características específicas, como por exemplo, Unidade de Terapia Intensiva (UTI). Nesse setor a atenção precisa ser diferenciada, pois há estoques elevados de certos materiais e medicamentos onde o custo é muito alto e o uso inadequado de alguns itens pode levar ao desperdício.

Dentro desse modelo de farmácia (farmácia satélite) podemos encontrar algumas dificuldades, principalmente com relação à montagem dos kits e ao controle do estoque. Entre essas falhas, podemos citar: erros de transferências de materiais e medicamentos da Central de Abastecimento farmacêutico (CAF) para a farmácia satélite; erros na montagem manual dos kits; falhas na hora de lançar os itens utilizados em cada procedimento; falta de materiais e medicamentos para a montagem do kit.2

Para alguns gestores a importância do profissional farmacêutico

...

Baixar como  txt (24.1 Kb)   pdf (81.8 Kb)   docx (24.6 Kb)  
Continuar por mais 13 páginas »
Disponível apenas no Essays.club