Essays.club - TCC, Modelos de monografias, Trabalhos de universidades, Ensaios, Bibliografias
Pesquisar

TCC II - Ciencias da Computação

Por:   •  6/11/2017  •  2.483 Palavras (10 Páginas)  •  144 Visualizações

Página 1 de 10

...

Além disso, o processo de cadastro de uma nova ordem de serviço (OS) é aprimorado, proporcionado uma economia de tempo: ambos podem facilmente abrir um pedido de atendimento para formatação, manutenção ou até mesmo a compra de equipamentos com apenas alguns passos. Isso poupa o profissional de fazer os cadastros manualmente em seu sistema. Outra vantagem é a agilidade proporcionada para o profissional ao receber a notificação da abertura de um novo serviço.

Atualizando as informações constantemente, o profissional permite que o cliente saiba qual o estado da sua OS sem ter de interromper os outros serviços. Um website serviria como ferramenta adicional, possibilitando melhor visualização e controle das funções do sistema.

No tópico sobre Software Móvel será descrito um pouco sobre a plataforma que iremos utilizar para o desenvolvimento do aplicativo, sobre o porquê termos escolhido essa plataforma e um pouco sobre sua história.

No tópico sobre Banco de Dados será abordado um pouco sobre qual dos modelos de banco de dados usaremos, as técnicas e formas de acesso aos dados armazenados.

No tópico sobre Web Site se descreve um pouco da linguagem que será utilizada, do software utilizado para o desenvolvimento e sobre sua funcionalidade.

---------------------------------------------------------------

- Revisão Bibliográfica

- Software Móvel

Com o aumento da capacidade de processamento, armazenamento e a variedade de tipos de comunicação existentes, como Bluetooth, infravermelho e redes sem fio, os dispositivos móveis deixaram de ter uma função específica e passaram a ser ferramentas com diversos tipos de funcionalidade. A difusão da informação através da internet, sobretudo pela necessidade de acesso a conteúdo em qualquer lugar, possibilitou essa expansão no uso dos dispositivos móveis. No campo empresarial, os benefícios que estes tipos de dispositivos oferecem são consideráveis, uma vez que a portabilidade permite que tarefas que antes só poderiam ser executadas dentro do ambiente de trabalho, possam ser realizadas em qualquer lugar. (MÜLLER, 2013, p. 4)

A plataforma Android foi desenvolvida especialmente para celulares e tablets e é baseada no sistema operacional Linux. O Android é um código aberto e distribuído pela licença Apache 2.0 e pensando nas possibilidades de desenvolvimentos para essa plataforma foi elaborada um conjunto de ferramentas e APIs com essa finalidade, chamado Android SDK e utilizando a linguagem Java.

A plataforma Android foi concebida inicialmente pelo Google. A plataforma está sendo e será mantida pelo Open Handset Alliance, que é um grupo formado por mais de 30 empresas (de tecnologias de dispositivos móveis, provedoras de serviços móveis, fabricantes, etc) as quais se uniram para inovar e acelerar o desenvolvimento de aplicações, serviços, trazendo aos consumidores uma experiência mais rica em termos de recursos, menos dispendiosa em termos financeiros para o mercado móvel. Pode-se dizer que a plataforma Android é a primeira plataforma móvel completa, aberta e livre. (RABELLO, p. 2)

Segundo Monteiro (2012, p.1), uma justificativa para o uso da plataforma Android seria que “desfruta hoje de um papel de destaque no mercado, tanto pela quantidade significativa de dispositivos produzidos como também por oferecer uma API rica”.

Em seu livro Monteiro (2012, p. 33) expõem uma explicação simples de como o Android faz para executar os aplicativos Java: “as aplicações implementadas utilizando a linguagem Java são executadas através de uma máquina virtual, baseada em registradores e otimizada para consumir pouca memória, chamada Dalvik”.

O Java possui uma linguagem de programação simplificada, segura, orientada a objetos e com uma extensa API. Estando presente atualmente em muitos ramos de tecnologias, sendo uma das plataformas mais importantes da atualidade.

O Java é também uma das principais plataformas de desenvolvimento para dispositivos móveis (Java ME), com milhões de celulares, palms, set-top boxes e até nos aparelhos de blu-ray. Há também o caso do Google Android que usa a linguagem Java, mas é um caso à parte, já que sua máquina virtual não utiliza o bytecode Java. (SIQUEIRA, 2011, p. 2)

Dada sua portabilidade e segurança, a plataforma Java foi escolhida por grandes empresas e bancos, dessa forma essas empresas não ficam presas a um único fabricante ao mesmo tempo em que conseguem manter seus dados salvos de forma segura.

- Banco de Dados

Segundo Alves (2009, p. 23): “Um banco de dados representa uma porção do mundo real [...] é um conjunto lógico e ordenado de dados que possuem algum significado.”

Um banco de dados necessita de três coisas: “[...] uma fonte de informação [...], uma interação com o mundo real e um público [...]”. (ALVES, 2009, p. 23)

Se um banco de dados é um conjunto de dados relacionados, um Sistema de Gerenciamento de Banco de Dados (SGBD) é uma coleção de ferramentas e programas que permitem aos usuários a criação e manutenção do próprio banco de dados. [...] destinado à manutenção, construção e manipulação. (ALVES, 2009, p. 23)

Segundo os autores, a criação de consultas em Structured Query Language (SQL), ou Linguagem de Consulta Estruturada SQL, é mais fácil de se criar do que em uma linguagem de programação. Nem todas a consultas podem ser realizadas em SQL, pois ele não possui o poder expressivo de uma linguagem de programação. (SILBERSCHATZ; et al., 2012)

Existem duas técnicas para acessar o SQL por uma linguagem de programação de uso geral;

- SQL dinâmica: um programa de uso geral pode se conectar a um servidor banco de dados e se comunicar com ele usando uma coleção de funções [...]ou métodos, que permite que o programa construa uma consulta SQL com uma string de caracteres em tempo de execução, submeta a consulta e depois apanhe o resultado em variáveis do programa, uma tupla de cada vez.

- SQL embutida: “[...]os comandos SQL são identificados durante a compilação usando um pre-processador[...] submete os comandos ao sistema de banco de dados para pre-compilação e otimização; depois ele substitui os comandos SQL no programa aplicativo pelos apropriados códigos e chamadas de função, entes de chamar o compilador da linguagem.” (SILBERSCHATZ; et al., 2012, P95,P96)

Segundo o livro, quando a conexão é criada o banco

...

Baixar como  txt (17.4 Kb)   pdf (117 Kb)   docx (19.6 Kb)  
Continuar por mais 9 páginas »
Disponível apenas no Essays.club