Essays.club - TCC, Modelos de monografias, Trabalhos de universidades, Ensaios, Bibliografias
Pesquisar

Olimpiadas Rio 2016

Por:   •  25/12/2017  •  1.425 Palavras (6 Páginas)  •  206 Visualizações

Página 1 de 6

...

3 - Listar o que poderia ser feito para mitigar o atraso.

Varias ações poderiam ter sido tomadas para mitigar o atraso desta obra como um plano de execução de projeto bem definido com todas as suas áreas de responsabilidades mapeadas.

Um controle gerencial nas licitações das olimpíadas de forma que gerencie os prazos, custos e que garanta a qualidade do empreendimento de acordo com o licitado.

Reuniões de projeto com os gerentes responsáveis e emissão de relatórios semanais com o acompanhamento dos cronogramas avaliando o planejado x real, avaliando possíveis cenários críticos de cada obra traçando planos de recuperação com auxilio de especialistas da área especifica.

Plano de contratação de empresas qualificadas para a construção do empreendimento, através de licitações com suas especificações e escopo bem definidas.

Acompanhamento e monitoramento das obras no campo com ajuda de um técnico especializado tendo como base a programação das atividades relacionadas no cronograma do projeto.

Avaliar se a Matriz de Comunicação do projeto está sendo entendida e acordada por todas as partes.

Realizar auditorias internas com o objetivo de verificar a regularidade, prazos, custos e a qualidade das obras para os jogos.

4 - Expor a percepção dos stakeholders (população carioca, COI, COB, atletas e demais expectadores) sobre os jogos olímpicos Rio 2016.

A população carioca, após a Copa do Mundo, demonstra menos otimismo com os benefícios que os Jogos Olímpicos e Paraolímpicos podem trazer para a cidade, os gastos públicos ainda são motivos de grande desconfiança da população que enxergam à possibilidade de desvio de dinheiro a má utilização da verba pública e redução de investimentos na área da educação, saúde e segurança publica tem influenciado de forma muito negativa a percepção da população para os jogos olímpicos.

Os patrocinadores dos jogos do Rio 2016 utilizaram esta oportunidade para interagir com o público-alvo e atletas de maneira significativa, recentemente um estudo apontou que a percepção de marcas patrocinadoras do evento fica mais positiva e confiável gerando um retorno significativo para os patrocinadores seja na questão da divulgação da imagem pelos meios de comunicação, atletas que são patrocinados pelas marca ou na compra dos produtos do patrocinador oficial o que demostra ser um ponto positivo e lucrativo para os stakeholders.

Além de parcerias muito importantes para o crescimento do comercio local um exemplo desse processo é o SEBRAE criou um programa que visa a qualificação de potencias fornecedores para atender toda demanda das olimpíadas este trabalho tem como meta, o desenvolvimento das micro e pequenas empresas para que possam participar deste grande evento gerando emprego e fortalecimento de sua marca no mercado.

Com relação às opiniões dos atletas e o comitê olímpico Brasileiro existem alguns pontos que divergem a um ano das olimpíadas alguns atletas criticam as autoridades por não terem investido em equipamentos e melhor infraestrutura para treinamento. Somente na capital, três locais de competição e treinamento foram interditados para obras, um exemplo disso atletas do atletismo nem todos tiveram local adequado para treinamento assim como algumas seleções terão que se hospedar em outros estados. Outro ponto muito questionado pelos atletas é questão da Baia de Guanabara e suas condições para receber as diversas provas tema de muitas conversas a Baia era um dos principais programas no chamado legado que não deu certo, especialista afirmam que não será possível a despoluição até os jogos ao contrario dos governantes e integrantes do COB que afirmam que terá totais condições de receber as provas.

Recentemente o COI resolveu ajudar no gerenciamento das olimpíadas 2016, após muitos atrasos e reclamações por parte das federações olímpicas. O COI decidiu envolver as federações que já tiveram a oportunidade de sediar o evento para passar a experiência em preparação de jogos. O COI acredita que a cidade irá realizar excelentes jogos, mas apenas se ações necessárias forem executadas da forma correta. O COI destacou importância do comprometimento do governo com o projeto Rio 2016, destacando o avanço considerável nas obras para os Jogos de 2016, principalmente nas instalações na Barra da Tijuca e em Deodoro, na Zona Oeste da cidade.

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

TCU avalia organização dos Jogos Olímpicos e Paraolímpicos de 2016, 29/07/2015.

http://portal.tcu.gov.br/imprensa/noticias/tcu-avalia-organizacao-dos-jogos-olimpicos-e-paralimpicos-de-2016.htm

Haidar, Daniel. Governo divulga orçamento incompleto da Olimpíada 2016. Veja, 28/01/2014. Disponível em: http://veja.abril.com.br/noticia/esporte/governo-divulga-orcamento-publico-incompleto-da-rio-2016/

COMITÊ OLÍMPICO BRASILEIRO. Relatório de

...

Baixar como  txt (9.7 Kb)   pdf (53.2 Kb)   docx (15 Kb)  
Continuar por mais 5 páginas »
Disponível apenas no Essays.club