Essays.club - TCC, Modelos de monografias, Trabalhos de universidades, Ensaios, Bibliografias
Pesquisar

Gestão e implementação de energia solar

Por:   •  21/9/2017  •  1.559 Palavras (7 Páginas)  •  325 Visualizações

Página 1 de 7

...

---------------------------------------------------------------

- DESENVOLVIMENTO

- MOMENTO HISTÓRICO

Não é de hoje que o Brasil vive de altos e baixos com frequentes notícias de racionamento de energia e até mesmo apagões sem prévio aviso, além de racionamento de águas e tarifações excessivas pelo uso de energia elétrica, sem previsões de melhorias para os próximos anos, o momento para se investir em energias alternativas está cada vez mais vantajoso.

Atualmente, o Brasil passa por um fenômeno climático intenso com a escassez hídrica e como sua matriz energética é predominantemente hidráulica, através da geração de energia por hidrelétricas, a iminência de “apagões” estão cada vez mais próximos, além da falta d’água em diversas regiões.

“Se fenômenos recentes, como a seca em São Paulo, mostram que não estamos preparados para enfrentar os problemas relacionados às mudanças climáticas, os resultados do estudo reforçam que esses problemas só tendem a piorar e que é preciso considerar possíveis estratégias de adaptação.” José Antônio Marengo Orsini (Pesquisador do INPE – Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais e atualmente no CEMADEN – Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais).

Em pronunciamento na Cúpula de Desenvolvimento da ONU, a presidente da República Federativa do Brasil, Dilma Rousseff informou que ações serão tomadas pelo Brasil no intuito de reduzir as emissões de gases de efeito estufa, com o aumento na utilização de fontes renováveis na matriz energética, bem como o aumento da participação das fontes renováveis eólicas, solares e de biomassa na geração de energia.

---------------------------------------------------------------

- VANTAGENS E DESVANTAGENS DA ENERGIA SOLAR

Como todo processo, há vantagens e desvantagens para o seu funcionamento, seguem as vantagens e desvantagens para a implantação de sistema de geração de energia.

Vantagens

- Não emitem poluentes para a natureza durante a sua utilização em comparação a outras energias;

- Boas opções para áreas isoladas, pois em casos de utilização de sistema de armazenamento, não há a necessidade de utilização de rede de distribuição externa;

- Utilização como fonte de energia complementar a rede de distribuições já existentes;

- Redução dos custos de utilização de energia;

- Redução da dependência energética externa face aos combustíveis fósseis;

- Reduzem significativamente as emissões de dióxido de carbono na geração de energia, sendo este gás de efeito estufa com maior impacto para o aquecimento global;

- Não geram impactos sonoros a exemplo da obtenção da energia eólica;

- Marketing verde sobre a utilização de energia limpa

Desvantagens

- Investimento inicial elevado, como todos os tipos de energias renováveis, pelo fraco investimento neste tipo de energia;

- Variação da produção de acordo com o clima;

- Dependendo do sistema instalado, a forma de armazenamento pouco eficiente, com a utilização de baterias;

---------------------------------------------------------------

- REGULAÇÃO

A Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL), através da Resolução Normativa nº 482/2012, estabeleceu as condições gerais para o acesso de microgeração e minigeração distribuída aos sistemas de distribuição de energia elétrica e o sistema de compensação de energia elétrica.

Embora a Resolução não obrigue as concessionárias a pagar um valor monetário pela energia excedente de geradores distribuídos, são gerados créditos de energia para que possam ser utilizados subsequentemente pelos geradores distribuídos.

A Resolução também regulamenta a responsabilidade por dano ao sistema elétrico de distribuição, pois caso a microgeração ou minigeração instalada no local ocasione danos ao sistema de distribuição, em caso de comprovação de irregularidades na unidade serão utilizados os critérios estabelecidos pela Resolução Normativa nº 414/2010 que prevê até o ressarcimento à distribuidora de indenizações por danos a equipamentos elétricos acarretados a outros consumidores. Diante disso, é fundamental que se utilize mão-de-obra e equipamentos qualificados para tal instalação a fim de evitar prejuízos posteriores.

- POTENCIAL DE GERAÇÃO E PERSPECTIVA ECONÔMICA

O fato de os custos para expandir e popularizar o setor solar no mercado ainda serem bastante elevados, variando conforme a quantidade de painéis necessária para suprir uma determinada demanda energética, não pode ser o problema para a instalação do equipamento, pois se trata de uma energia do futuro e a empresas pioneiras na geração desse tipo de energia, mostra para a sociedade o quanto ela pensa num futuro melhor, assim fortalecendo ainda mais a sua marca.

Vale ressaltar que a maior parte do território brasileiro tem localização geográfica favorável no que consiste a geração de energia fotovoltaica, pois se encontra localizada relativamente próxima da linha do Equador, de forma que não se observa grandes variações na duração solar do dia.

---------------------------------------------------------------

- GESTÃO E IMPLEMENTAÇÃO DO SISTEMA

A gestão do sistema não requer tratamentos complexos, pelo fato de não gerar impactos decorrentes na etapa de geração de energia, diante disso, não requer sistemas de controles ambientais.

O controle maior ocorrerá na época de manutenção dos painéis solares, já que estes possuem durabilidade média de 25 anos de utilização, porém grandes fabricantes se mostram favoráveis a coleta, pois 80% dos materiais utilizados podem ser reutilizados.

[pic 14]

---------------------------------------------------------------

-

...

Baixar como  txt (11.8 Kb)   pdf (91.8 Kb)   docx (15.6 Kb)  
Continuar por mais 6 páginas »
Disponível apenas no Essays.club