Essays.club - TCC, Modelos de monografias, Trabalhos de universidades, Ensaios, Bibliografias
Pesquisar

ÁREAS DE ATUAÇÃO DO FONOAUDIÓLOGO

Por:   •  3/4/2018  •  891 Palavras (4 Páginas)  •  257 Visualizações

Página 1 de 4

...

O campo da linguagem é a comunicação artificial ou natural, entre os humanos e não humanos, “todos os meios de comunicação sejam cognitivos, socioculturais ou da natureza” (Fernandes, 2003), a fala é o uso da língua, articulação e som. Os distúrbios de linguagem é o comprometimento da aquisição da linguagem, podem ser atrasos de linguagem ou distúrbio de linguagem, sendo eles atrasos simples, atraso global do desenvolvimento, ou Afasia. Podemos citar algumas síndromes que ocorre o distúrbio de linguagem, são elas: Síndrome de Down, Síndrome de Edwards, Síndrome de Patau, Síndrome de Pallister-Killian, Síndrome de Wolf-Hirschhorn, Síndrome de Apert. Ocorrem também em pessoas com Paralisia Cerebral, Autistas.

“TDAH é um transtorno neurobiológico, de causas genéticas” Elaborado por: BRANCALIONI, A.R.29. Na TDAH ocorre alteração da fala e linguagem. Afasia é a perda das habilidades de linguagem falada e escrita. A gagueira é a interrupção do fluxo verbal, caracterizada por prolongamentos e repetições de palavras, sons. A causa da gagueira não tem uma única causa, e sim fatores hereditários, biológicos, psicológicos, sociais. “Gagueira não tem graça, tem tratamento”. As disfluências são chamadas de Taquilalia, Bradilalia, Tartajeio, Gagueira, Cluttering. O papel do fonoaudiólogo é de reabilitação da fala, mais fluente, melhor, e mais perto do padrão

O mercado de trabalho e suas atuações é bem amplo dentro da Fonoaudiologia, podemos citar: Hospital, Consultório, Home care, UBS, IES, Escolas, APAE, APAS, Empresas.

Portanto, eu escolhi a Fonoaudiologia por ter uma ampla área de atuação, e muito campo de trabalho. Foi a profissão pôr a qual eu me apaixonei pelo simples fato de poder ajudar as pessoas, por poder trabalhar com amor e carinho e ser reconhecida. “Ser fonoaudiólogo é: ouvir uma lágrima; articular uma emoção; vocalizar um desejo; ler a alma; escrever um sorriso. ” (Mara Behlau).

Referências:

Material disponibilizado em aula.

Disponível em:

http://www.fonoaudiologia.org.br/legislacaoPDF/Res%20320-06%20-%20Especialidades.pdf>. Acesso em 09 abr. 2016.virtual.

...

Baixar como  txt (6.5 Kb)   pdf (50 Kb)   docx (13.3 Kb)  
Continuar por mais 3 páginas »
Disponível apenas no Essays.club