Essays.club - TCC, Modelos de monografias, Trabalhos de universidades, Ensaios, Bibliografias
Pesquisar

O Relatório Pêndulo Físico

Por:   •  6/10/2022  •  Trabalho acadêmico  •  496 Palavras (2 Páginas)  •  39 Visualizações

Página 1 de 2

[pic 1][pic 2]

[pic 3]


Resumo

O Experimento foi realizado com o objetivo de medir a aceleração da gravidade local utilizando um pendulo físico composto por uma barra de ferro furada, um suporte para ela e um cronometro. Para tal, cronometramos as oscilações da barra quando suspensa por diferentes orifícios ao longo de seu corpo e calculamos o tempo das oscilações, momento da inercia e por fim utilizamos o momento da inercia, a largura (a), o comprimento (b), a massa (M) da barra e a distância d entre os diferentes orifícios e o centro da barra para calcular a aceleração da gravidade.

Descrição do Experimento

O experimento foi realizado da seguinte forma:

  • Foram medidos a largura (a) e comprimento (b) de uma barra retangular de ferro com vários furos ao longo de seu corpo cuja massa (M) era conhecida;
  • Foram escolhidos 4 furos ao longo da barra e, em seguida, medimos a distância (dx) entre os furos e o centro, conseguindo o d1, d2, d3 e d4;
  • A barra foi pendurada por cada um dos furos, puxada com um ângulo de 10° e cronometrado o tempo de 10 oscilações 4 vezes para cada furo, conseguindo 4 valores para t1, t2, t3 e t4;
  • Os valores de tempo foram divididos por 10 para encontrar os tempos de oscilação:

[pic 4]

  • Tendo em mãos as distâncias dx, largura (a), comprimento (b) e massa (M), foi calculado o momento de inercia Ix com a formula:

[pic 5]

  • Após calculado o momento de inercia, o mesmo foi utilizado para calcular a aceleração da gravidade pela seguinte formula:

[pic 6]

  • E após os cálculos, chegamos aos seguintes resultados que estão listados nas tabelas a seguir:

Resultados e cálculos:

        a (m)

0,025

        b (m)                      

1,12

        M (kg)                          

1,25

Primeiro Orifício

Segundo Orifício

Terceiro Orifício

Quarto Orifício

d1 (m)

0,557

d2 (m)

0,448

d3 (m)

0,350

d4 (m)

0,276

I1 (kgm²)

0,52

I2 (kgm²)

0,38

I3 (kgm²)

0,28

I4 (kgm²)

0,23

t1 (s)

T1 = t1/10

t2 (s)

T2 = t2/10

t3 (s)

T3 = t3/10

t4 (s)

T4 = t4/10

17,02

1,702

16,57

1,657

16,00

1,600

15,91

1,591

17,70

1,770

16,27

1,627

15,74

1,574

16,28

1,628

16,69

1,669

16,33

1,633

15,88

1,588

16,01

1,601

16,94

1,694

16,32

1,632

15,43

1,543

15,75

1,575

...

Baixar como  txt (3.1 Kb)   pdf (132 Kb)   docx (556.2 Kb)  
Continuar por mais 1 página »
Disponível apenas no Essays.club