Essays.club - TCC, Modelos de monografias, Trabalhos de universidades, Ensaios, Bibliografias
Pesquisar

DETERMINAÇÃO DO TEOR DE UMIDADE PELO MÉTODO DA ESTUFA E PELO MÉTODO DO SPEEDY TEST (UMIDÍMETRO)

Por:   •  12/1/2018  •  901 Palavras (4 Páginas)  •  88 Visualizações

Página 1 de 4

...

3° Passo: O aparelho foi fechado, após agitou-se o aparelho repetidas vezes, ate que a ocorreu à quebra da ampola, isso levou o surgimento de pressão acusada no manômetro de 0,6 kg/cm².

-

RESULTADOS E DISCUSSÕES

4.1 Determinando o teor de umidade pelo método da estufa

- P1 de cada amostra, onde: P1= peso da cápsula + (solo + água).

1ª Amostra

P1 = 5,3 + 10,1

P1 = 15,4 g

2ª Amostra

P1 = 6,4 + 8

P1 = 14,4 g

3ª Amostra

P1 = 4,9 + 5,9

P1 = 10,8 g

- Obtendo P2: P2= peso da cápsula + solo seco.

1ª Amostra

P2 = 5,3 + 9,1

P2 = 14,4 g

2ª Amostra

P2 = 6,4 + 6,9

P2 = 13,3 g

3ª Amostra

P1 = 4,9 + 5,4

P1 = 10,3 g

- Umidade (w)

[pic 2]

1ª Amostra

[pic 3]

W = 10,99%

2ª Amostra

[pic 4]

W = 15,94%

3ª Amostra

[pic 5]

W = 9,26%

O teor de umidade é dado pela média das 03 amostras é:

[pic 6]

[pic 7]

W = 12,06%

4.2 Métodos do Speedy Test

A pressão em que o monômetro se estabilizou após o momento da reação do carbureto foi de 0,6 kg/cm². Confrontando esse valor com a tabela que relaciona a pressão com a umidade que foi disponibilizada no laboratório, obteve-se o resultado de 13.4% de umidade.

-

CONCLUSÕES E INCERTEZAS

O método de secagem em estufa mostrou grande variação nos valores de teor de umidade, mesmo tratando-se da mesma amostra.

Contudo o resultado final da média entre as 03 amostras aproximou-se do resultado obtido pelo método do Speedy Test, ocorrendo apenas a variação de 1,34%.

Diante do exposto, fica evidente a importância de determinar o percentual de umidades existentes no solo antes da inicialização da obra, pois com essa determinação, pode ser feito correções no solo, se necessário, ainda na fase inicial da obra, evitando assim, possíveis patologias causadas pelo excesso ou escassez de água no solo, considerando que o teor de umidade no solo tem influência direta na capacidade de compactação e a de rompimento do solo.

-

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

CAMARGO, A.P. de & COSTA, O.A.L.da. Determinação rápida da umidade do solo pelo método da reação com o carbureto de cálcio. Bragantia, Campinas.

PAIVA NETTO, J.E. & MEDINA, H.P. O higroscopímetro e a determinação rápida da umidade higroscópica do solo. In: REUNIÃO BRASILEIRA DE CIÊNCIA DO SOLO, 2., Campinas, 1949. Anais. Rio de Janeiro, Ministério da Agricultura, Serviço de Informação Agrícola, 1953, p.43-7.

RIBEIRO JR, Ilço. CONTROLE DE OBRAS. Disponível em: http://ilcoribeiro.webnode.com.br/aulas/controle-de-obras/a3%C2%BA-semestre/. Acessado em: 09 de abril de 2016.

...

Baixar como  txt (6 Kb)   pdf (54.1 Kb)   docx (15.1 Kb)  
Continuar por mais 3 páginas »
Disponível apenas no Essays.club