Essays.club - TCC, Modelos de monografias, Trabalhos de universidades, Ensaios, Bibliografias
Pesquisar

A Laicidade e Secularização

Por:   •  13/3/2018  •  1.226 Palavras (5 Páginas)  •  6 Visualizações

Página 1 de 5

...

História

De acordo com as pesquisas feitas, “O termo “secularização” já aparecia nos escritos néo-testamentários do apostolo Paulo designando sob o aspecto “saeculum”, o século1: trata-se da temporalidade deste mundo, a dimensão mundana da vida humana, associada à dimensão do pecado. Foi, em 1922, na obra Teologia Política de Carl Schimitt que o termo “Säkularisation” aparece pela primeira vez: um neologismo alemão baseado no francês “sécularisation”, indicando a translação política moderna de noções provindas da teologia e reinvestidas no vocabulário da vida política. Em 1941, Martin Heidegger começou, também, a fazer uso desse termo, estimulando sua propagação. Esse processo desenrolou-se lentamente, com elementos que influenciaram desde o século XIV, relativizando valores que caracterizam nosso universo racional e intelectual no qual as religiões na Europa, sobretudo o cristianismo, foram perdendo sua credibilidade. Segundo o sociólogo D. Hervieu-Léger, a secularização é o impacto da modernidade em diferentes níveis: econômico, social, político, intelectual, simbólico, etc. sobre a religião ou mais exatamente, sobre a configuração tradicional das relações entre a religião e a sociedade”.

A secularização também foi ligada a separação das Igrejas e do Estado. O Estado moderno passou por varias transformações e temendo perder a soberania, não aceitou o domínio absoluto da religião, buscou de varias maneiras e no âmbito jurídico diminuir suas relações com ela, com o objetivo de proteger sua independência. A secularização vê a religião da religião fora da esfera pública, e seu limite ao domínio privado.

Secularização e secularismo

A secularização é complexa. Pode significar a autonomia das realidades terrenas e a separação entre a religião e o Estado. Pode, no entanto, indicar também todo um conjunto de atitudes contrárias à religião e à fé, pelo qual podemos usar outro termo que é o secularismo. O secularismo é um meio para a secularização assim como, por exemplo, o cientificismo para a ciência e o racionalismo à racionalidade.

Podemos ver os obstáculos ou desafios que a fé de muitas religiões encontram no mundo moderno, usando exclusivamente a este sentido negativo da secularização. Mesmo assim, a secularização tem muitas faces e explicação dependendo dos campos em que se encontra: a teologia, ciência, ética, a bíblica, a cultura em geral, a vida cotidiana. Neste pensamento. Podemos assim dizer que paramos pensar no que cremos e acreditar na fé do que não vemos, mas acreditamos e se voltar somente ao real e à dimensão terrena.

---------------------------------------------------------------

Referencias

http://verdadeurgente.blogspot.com.br/2014/02/estado-laico-o-que-significa-e-como.html

http://www.espacoacademico.com.br/048/48damasio.htm

---------------------------------------------------------------

.

...

Baixar como  txt (8.1 Kb)   pdf (49.3 Kb)   docx (14.3 Kb)  
Continuar por mais 4 páginas »
Disponível apenas no Essays.club