Essays.club - TCC, Modelos de monografias, Trabalhos de universidades, Ensaios, Bibliografias
Pesquisar

A época do menos

Por:   •  22/1/2018  •  737 Palavras (3 Páginas)  •  60 Visualizações

Página 1 de 3

...

em algum tempo a simplificação de artigos como este. Redações utilizando a palavra “tudo” como “tdo”, engolindo forazmente o que se levou séculos a ser disseminado.

Uma realidade triste. O site http://info.abril.com.br/, nos dá a seguinte pesquisa:

“Diariamente são 340 milhões de tweets, 500 milhões de “curtições” e 300 milhões de fotos publicadas no Facebook. No Instagram são 5 milhões de fotos. Temos ainda as 60 horas de vídeo enviadas para o Youtube a cada minuto, ou uma hora de vídeo a cada segundo.”

Diante da afirmação exposta devo entender que sobra tempo á alguns para postagens e consequentemente faltam (menos) tempo para estes mesmos na execução de tarefas e importantes como, por exemplo, o trabalho diário.

Seria de uma maneira hipócrita dizer que a as redes sociais prejudicam e diminuem o conhecimento, mas, devo lembrar que o conhecimento não se ganha, se adquire.

Podemos contar os sites e blogs que nos ajudam na busca do conhecimento com um menor esforço, não é necessário segurar o peso do livro no colo, não é necessário folhear páginas, simplesmente dar cliques. Neste sentido o menos nos auxilia, o fato de podermos e termos acesso ilimitado a qualquer informação num curto periodo, (quase imediato) de uma ocorrência em qualquer lugar do mundo nos dá o menor esforço com um conhecimento amplo.

Resumindo, a epoca do menos deve ser avaliada quantitativamente, mas não deixando de lado a qualidade, acredito que o bom senso na escolha do que ler, do que fazer, ainda é a melhor opção. A realidade imposta pela circunstância geral do viver, a falta de tempo, o menos tempo ao amor, ao trabalho, á família, e em diversas áreas tendem infelizmente a aumentar. Tenho como premissa não deixar que isso se desenvolva, pelo menos até meu alcance, até onde possa auxiliar a transformar o menos em mais.

...

Baixar como  txt (4.7 Kb)   pdf (44 Kb)   docx (12.2 Kb)  
Continuar por mais 2 páginas »
Disponível apenas no Essays.club